Veterinária

Cuide com Excelência!

Transforme a Saúde do seu Pet. Vamos Além das Expectativas, Profissionalismo, Carinho e Tecnologia a Serviço do seu Melhor Amigo.

Consultas, Vacinas e Castração. Agende já!

ESPECIALISTA EM CÃES E GATOS

Por que contratar nossos serviços?

VACINAS

As principais vacinas para cães: V10, Antirrábica, Leishmaniose, Giárdia e Gripe Canina - Gatos: V4 e V5 protege os felinos contra a leucemia (FeLV)

CASTRAÇÃO

Indicamos a castração, pois não só previne gravidez. Ela protege o animal de diversas doenças que podem matar, como o tumor. Nas fêmeas ela previne o câncer de mama e nos machos o de próstata.

10 ANOS DE EXPERIÊNCIA

Veterinários(a) altamente qualificados com mais de 10 anos de experiência, focados na prevenção, saúde e bem-estar de cães e gatos.

ULTRASSOM / ECOCARDIOGRAMA

Ultrssom para cães e gatos. Esse serviço é usado para analisar, em tempo real, o tamanho e a textura de órgãos internos do seu Pet. Ecocardiograma utiliza a tecnologia de ultrassonografia. Permite ao veterinário visualizar, em tempo real, o funcionamento do coração.

CIRURGIA ORTOPÉDICA

A Cirurgia Ortopedia Veterinária é a especialidade responsável por tratar de diversas complicações e patologias ortopédicas como: fraturas em ossos, rupturas de ligamento, alterações articulares e em coluna, entre outras.

EXAMES LABORATORIAIS

Aqui nosso foco é a prevenção. Os exames laboratoriais fazem parte da medicina diagnóstica, que auxilia nas decisões sobre diagnóstico e tratamento das doenças. Os tipos mais comuns avaliam o sangue, as fezes e a urina.

DIFERENCIAIS PARA VOCÊ AVALIAR

O que você ganha quando você nos escolhe para cuidar da saúde e bem-estar do seu pet.

Profissionais altamente qualificados

Temos em nossa equipe profissionais especializados em Ortopedia, Dermatologista, Oftalmologia para pet, Cirurgião e Clínico geral.

Consulta

Nossa consulta sempre irá focar a prevenção do paciente, aferição de temperatura, frequência cardíaca e frequência respiratória. Exame físico, prescrição de tratamento a ser instituído após avaliação, acompanhamento por 30 (trinta) dias, a partir da data da primeira avaliação.

Clínica Veterinária

Realizamos e interpretamos resultados de exame clínico de animais; diagnosticar patologias; prescrever tratamento; indicar medidas de proteção e prevenção; realizar sedação, anestesia, e tranquilização de animais; realizar cirurgias e intervenções de odontologia veterinária; coletar material para exames laboratoriais.

Segurança e Saúde

Nossos processos foram definidos por profissionais da área, tornando o atendimento do seu pet um momento tranquilo, agradável e seguro. Além disso, temos o serviço de Pet Care. Além de uma alimentação balanceada e acompanhamento regular com o veterinário, hábitos como banho e a tosa são exemplos da rotina de atenção com higiene dos pets que garantem seu bem-estar e saúde.

Primeiro socorros - Urgência

Equipe treinada para prestar os primeiros socorros em pets em situações de risco de vida. Procedimentos para manter os sinais vitais até receber atendimento médico-veterinário. Como o próprio nome diz, urgência é todo o quadro de saúde que precisa ser resolvido rapidamente, com o mínimo tempo de espera possível, mesmo sem risco iminente de morte.

QUEM JÁ CONTRATOU NOSSOS SERVIÇOS

Dezenas de clientes satisfeitos

Daniela Herold (Luc)

Melhor clínica e banho que já conheci nos 12 anos do meu peludo. Meu senhorzinho peludinho nunca foi muito chegado em estranhos, mas no Bolhas e Latidos ele ama desde o tio do táxi dog, os tios da recepção, banho e até o tio vet! A atenção e o carinho que eles têm pelos bichinhos é de outro mundo. Recomendo e confio de olhos fechados, desde os banhos até procedimentos veterinários e cirúrgicos. Sem contar os preços que são super acessíveis e nada explorados. Todos os bichinhos merecem o carinho do Bolhas e Latidos. <3 https://g.co/kgs/JPRsGX

Talita (Dom & Toodle & Braddock)

Bolhas e Latidos, um local muito bacana e respeitador com meus filhos, nunca tive problemas! Levo eles lá a mais de 1 ano e sempre tratados com o mesmo carinho. Obrigado equipe por este carinho com eles ❤️.

Monica Pedro(Joca)

Incrível, desde o atendimento inicial via Whatsapp a qualidade do serviço de banho e tosa do Joaqui. Vale mencionar também todo cuidado, carinho e preocupação, sempre mandando mensagem para saber a qualidade do serviço e como o Joca está. Eu super recomendo o serviço do Bolhas e Latidos. https://g.co/kgs/S8KNHk

Quem somos

Quem somos

Sou Eder, um dos rostos por trás do Bolhas & Latidos, um projeto que nasceu da minha paixão pelos pets e do meu compromisso em oferecer serviços de excelência para nossos clientes. 

Ao lado de uma equipe de veterinários com vasta experiência no mercado, dedicamo-nos incansavelmente para assegurar que cada pet que adentra nosso estabelecimento seja tratado com carinho e atenção.

Minha trajetória profissional não se limita apenas aos cuidados estéticos dos animais. Como gestor financeiro e administrativo, também me empenho em garantir que nosso negócio funcione de maneira eficiente e sustentável, para que possamos continuar a oferecer os melhores serviços aos nossos clientes.

A conexão com os animais moldaram minha visão e minha missão. Venho de família humilde, compartilho o entendimento da importância de cuidar e respeitar cada pet que cruza meu caminho. O meu sonho de criar o Bolhas & Latidos foi moldado por esse profundo respeito e amor pelos animais.

Nossa missão é simples: entregar o melhor serviço de Clínica Veterinária e Banho e Tosa na Zona Sul de São Paulo. Queremos que você e seu pet se sintam em casa em nosso estabelecimento. Sempre com muito amor, carinho, dedicação e respeito, estamos empenhados em fornecer serviços excepcionais que façam a diferença na vida de nossos amigos de quatro patas e suas famílias.

Seja bem-vindo à família Bolhas & Latido

Perguntas Frequentes (F.A.Q)

Além de ser a principal medida de controle populacional de animais, reduzindo o número de cachorros e gatos de rua, a cirurgia pode prevenir diversos problemas de saúde, como os tumores de testículos, próstata e mamários.

É importante lembrar que a esterilização não deve ser feita muito cedo, pois pode comprometer seu desenvolvimento e retardar seu crescimento. 

Neste caso, indica-se sempre conversar com o veterinário para tirar as dúvidas. Mas, geralmente, o melhor momento para realizar a operação é entre 6 e 9 meses de idade.

É indicado porque o cãozinho está suficientemente crescido e, ao mesmo tempo, diminui o risco de desenvolver doenças para os ovários.

Mas também encontramos opiniões conflitantes entre os veterinários sobre o assunto. Alguns aconselham a prosseguir primeiro, outros a esperar mais alguns meses. 

Em caso de dúvida, consulte um veterinário de sua confiança.

 

A cirurgia se resume na remoção da placa bacteriana com um aparelho chamado ultrassom odontológico, explica o Dr. Lucas Martins. A grande diferença é que, para limpar o tártaro em cães, eles precisam estar anestesiados, o que envolve um maior risco. Por isso, o veterinário recomenda que seja usada a anestesia inalatória, que causa menos dor e é mais segura. Mas fique tranquilo, quando esse procedimento é realizado por um profissional de qualidade, seu amiguinho será bem tratado e estará protegido.

Riscos do tártaro para os pets

Não importa se estamos falando dos pets ou de pessoas. Muita gente ainda acredita que cuidar dos dentes é uma questão puramente estética, o que está longe de ser verdade. No caso dos cachorros, o Dr. Lucas explica que o excesso de bactérias na boca pode levar à doença periodontal e à gengivite, causando dor e dificuldade de mastigação.

Ainda mais grave é quando essas bactérias migram para outras partes do corpo. “Elas podem migrar para o coração, levando à endocardite, e também podem causar alterações renais, hepáticas e pulmonares”, alerta o veterinário.

 

  

Ter um filhote em casa é uma delícia! Eles são tão fofinhos, estão sempre cheios de energia e prontos para aprontar a qualquer minuto, não é? Os pequenos precisam de cuidados especiais nos primeiros meses de vida e saber tudo sobre isso é o seu dever! Preparamos um mini guia com dicas de saúde para filhotes que você vai adorar: vacinas, vermifugação, banho em filhotes e a alimentação ideal para o peludinho. Dá uma olhada!

Amamentação dos filhotes

 

Até os 35-45 dias de vida é o tempo ideal para manter a amamentação dos filhotes, desde que a mãe tenha condições de amamentar. Até lá, os peludos devem consumir apenas o leite materno que já possui os nutrientes necessários para um crescimento saudável. O desmame é um processo natural pelo qual os cães passam quando estão com um mês ou pouco mais de vida. Neste período eles podem receber papinhas, ainda intercaladas com o leite.

 

Adoção de filhotes órfãos

 

Se você optou por adotar um filhote, precisa saber que nem sempre esses peludinhos tiveram a oportunidade de ter contato com a mamãe e mamar o suficiente para ficarem fortes e saudáveis.  Nestes casos, os cuidados precisam ser redobrados para evitar doenças e garantir um crescimento adequado. O leite materno é fundamental pois é rico em proteínas, vitaminas, gorduras. No primeiro dia de vida, os filhotes mamam o colostro, que contém anticorpos que vão ajudar na proteção dos pequenos. Se o pet não foi amamentado, primeiro, você deve levá-lo para um check-up com o veterinário. Assim como seria se tivesse adquirido o pet de um criador. O profissional irá examinar o pequeno e indicar se precisará fazer exames complementares para saber como está o estado de saúde. 

Primeira noite longe da mamãe

Em muitos casos, as primeiras noites do filhote longe da mãe e dos irmãos pode ser difícil. Eles sentem a falta e o sentimento de “perda” pode ser manifestado por meio do choro constante. Para que o pet fique mais confortável, você deve oferecer um ambiente aconchegante para ele. Uma caminha quentinha, com cobertores e em local abrigado do frio, bichinhos de pelúcia, uma música calma de fundo…

 

Alimentação dos filhotes

Quando passam a comer alimento sólidos, os filhotes devem receber a mesma ração até os 12 ou 14 meses de idade. Essa é a época em que o pet chega à idade adulta, passando a receber a ração adequada para esta etapa. Os filhotes precisam que sua alimentação seja cuidada com atenção. O ideal é que o peso do pequeno aumente cerca de 25% nos primeiros seis meses de vida. Isso deve corresponder a quase metade do seu peso quando adulto. Por isso, a quantidade apropriada de ração é essencial para o crescimento de um cão saudável.

Vacinas recomendadas

Prevenir os cães de doenças é muito importante e deve começar desde cedo. A vacinação é um cuidado fundamental para todos os pets e deve ter o acompanhamento de um médico veterinário. Os cães devem ser vacinados nas primeiras seis a oito semanas de vida e os gatos com nove semanas. 

Raiva – recomendada a partir dos 3 meses, com reforço anual.

V8 ou V10 – a partir de 6 semanas de idade, administrada em três doses na primeira vacinação, e em única dose com reforço anual para animais já vacinados.

Gripe canina – a partir de 8 semanas de idade, administrada em duas doses na primeira vacinação, e em única dose com reforço anual para animais já vacinados.

Giárdia – a partir de 8 semanas de idade, administrada em duas doses na primeira vacinação, e em única dose com reforço anual para animais já vacinados.

Raiva – recomendada a partir dos 3 meses, com reforço anual.

Vacina V4 –  protege contra quatro doenças graves:

Panleucopenia: causada pelo Parvovírus (FPV) – a Panleucopenia pode ter mortalidade alta em filhotes e leva a quadros de febre alta, falta de apetite, diarreia, vômito.

Calicivirose felina: infecção viral provocada pelo calicivirus (FCV), que afeta o sistema respiratório dos gatos

Rinotraqueíte viral felina: causada pelo Herpesvírus felino 1 (HVF-1), da família Herpesviridae e uma das principais causas das infecções respiratórias em gatos.

Clamidiose Felina.

Esta é uma infecção bacteriana que afeta sobretudo o globo ocular, evoluindo para o sistema respiratório

Vacina V5

Já a vacina quíntupla (V5), tem as mesmas funções da V4, acrescendo a imunização contra a Leucemia Felina (FeLV). É a doença que mais mata gatos no Brasil doença muito grave, que compromete o sistema imunológico do gato, tornando-o mais vulnerável a infecções, problemas reprodutivos, lesões na pele, desnutrição

Aos 15 dias de vida os filhotes já podem receber a primeira dose de vermífugo. Para escolher o melhor medicamento e a frequência ideal de vermifugação para seu cãozinho, consulte um veterinário.

Quantas vezes por ano devo vermífugar meu cachorro?

1 a 2 vezes

Por isso todo cão ou gato durante toda a sua vida deve ser vermifugado de 1 a 2 vezes por ano, de acordo com a orientação do seu Médico Veterinário. Muitas vezes o animal não tem nenhum sintoma, mas pode ter o(s) parasita(s) no intestino.

 

Vermifugação em gatos

Assim como os cães, os gatos devem receber a primeira dose do vermífugo entre 15 e 30 dias de vida (de acordo com avaliação e prescrição do médico veterinário). A segunda dose é aplicada 15 dias depois da primeira. Após essa fase, a vermifugação é mensal até o sexto mês.

Proteção contra pulgas e carrapatos

Filhotes a partir 1 kg ou mais de um mês de idade podem receber alguns tipos de antipulgas e carrapaticidas.

No entanto, antes de escolher o produto, peça a orientação de um veterinário, pois nem todos são seguros para todas as raças e portes de animais.

PRECISA DE ALGUMA AJUDA PARA AGENDAR UM HORÁRIO?

NOS ENVIE UMA MENSAGEM:

Atendimento por WhatsApp

Nos chame no WhatsApp:
(11) 97618-0823

® 2021 Bolhas e Latidos – Todos os direitos reservados.

Enviar mensagem
Escanear o código
Descubra o Cuidado Completo 🩺 Atendimento Personalizado, Tecnologia de Ponta e Amor pelos Pets 🐕🐈 🐾